terça-feira, 30 de outubro de 2012

A armar em baby blog V


Este fim de semana quando nos dirigiamos para a Cottage (fomos já de noite) Filhinho Mais Lindo Riqueza de Sua Mãe ia cansado e não via a hora de chegar; os kms pareciam-lhe não passar e ele já ia farto da viagem.
Vai daí, deu-lhe para, volta não vira (mais ou menos a cada 5kms), fazer a pergunta sacramental das suas viagens de infância:
- Falta muito?
E eu lembrei-me!
Quando ele era pequeno as viagens de carro eram desesperantes; ainda mal tinhamos saído da nossa rua e já ele começava:
- Falta muito? Já chegámos? Falta muito? Já chegámos? Falta muito?
Só se tinha sossego viajando de noite; o tempo que ia a dormir era abençoado!
O problema é que fazia sonos curtinhos e quando acordado, junto com as perguntas, vinha o choro e o contorcionismo para se livrar dos cintos!
Um dia (uma noite) acordou já na auto-estrada e perguntou:
-Falta muito?
Eu, temendo a berraria que sabia vir a seguir, respondi:
- Não filho, é já no fim desta rua!
O tipo foi tooooda a auto-estrada calado, espreitando pelo meio dos bancos a ver se via o fim da rua!
Inacreditável!
Passei a usar esta fórmula SEMPRE; em TODA e CADA viagem!
Resultou ainda uns anos, mas ele depois percebeu...           

27 comentários:

  1. eu também era assim, tal e qual :) A minha mãe passava-se...

    ResponderEliminar
  2. Ahaha, coitadinho. Mas os miúdos são todos assim. Também já eu já fui assim eheh

    ResponderEliminar
  3. Ehehehehe ... You can fool some of the children all of the time, and all of the children some of the time, but you can not fool all of the children all of the time ... eles crescem !!! Eheheheheh

    ResponderEliminar
  4. loooooooooollll
    Pode ser uma boa forma de os manter entretidos.
    O meu felizmente até faz bem as viagens....;)

    ResponderEliminar
  5. Olha que bem... vou ver se resulta com os meus !

    ResponderEliminar
  6. Haha pelo menos resultou uns tempos! :)

    ResponderEliminar
  7. A Aprendiz enquanto pequena era igual, era um sufoco as viagens daqui até Viseu, ela chorava esperneava eu trocava de lugar com a irmã, enfim um drama...nós saiamos sempre de noite e vinhamos tambem de noite até que descobri que se ela fosse a dormir a coisa corria melhor, e passamos a viajar de madrugada.
    Uma vez numa pequena viagem o choro dela era tanto que tive de parar o carro numa pequena aldeia, até qeu veio um senhor duma casa ver o que se passava. Dizia ele que até pensou que alguem tivesse deixado ali o bebé sozinho tal era o choro..
    enfim ... mãe sofreeeeeeee

    ResponderEliminar
  8. A enganares a criancinha.
    Eu compreendo a tua impaciência, mas eles crescem e são inteligentes...

    Beijinho

    ResponderEliminar
  9. A minha filha ainda hoje me faz essa pergunta, falta muito? onde vamos? que vamos fazer?

    Novidade Boa a tua prendinha da Biotherm CHEGOU HOJE, e como eu gosto dos produtos da Bio ja estive a colocar as primeiras gotas de serum e sinto a pele tipo pista de gelo de patinagem artistica... tá lisinha. OBRIGADO MIGA Querida DOROTHY :) beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ena!
      Até que enfim!
      Ela saiu daqui com atraso (desculpa-me mas tem sido mesmo complicado) mas estava a ver que nunca mais chegava aí!
      Vais gostar muito, vais ver!
      Beijinhos

      Eliminar
  10. Não precisas ficar confusa...

    ResponderEliminar
  11. Ahah eu era tal e qual. Credo, os meus pais deviam ter-se lembrado dessa!

    Em relação ao comentário lá no tasco, a tal loja de trocas é em Leiria. Por agora funciona apenas alguns dias por mês mas acredito que seja um bom sistema para famílias mais carenciadas.

    ResponderEliminar
  12. Ahahahah! Eu também era assim! É que, quando era pequena, fazíamos as viagens França-Portugal; Portugal-França de carro... Imagina as vezes que eu fazia a fatídica pergunta... ;)

    ResponderEliminar
  13. Ok, são todos iguais. O meu ainda é pequenino, não chegou a essa fase, mas lembro-me de viajar com uns primos e a pequenina perguntava sempre isso: Falta muito? Estou cansada. E o meu primo respondida, Não, é atrás daqueles montes. LOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa nunca me lembrei mas olha que é muito boa!

      Eliminar
  14. Hahahaha, boa ideia, mas já sabe que mais ou cedo ou mais tarde eles descobrem o truque, Lol.
    :-))

    ResponderEliminar
  15. ahahhah!!agora imagina se o meu piolho fosse assim,nòs que fazemos viagens de 800km de França atè Portugal!?
    Xiça que ha via de ser giro!!
    Quer dizer,pensando bem,ainda pode vir a ser,ora bolas,ele so tem 17 meses!!:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahahahah
      Vai-te preparando; isto começa por volta dos três!

      Eliminar
  16. Ahhahahhahahahahahahaha o que me ri quando me contaste isto, há uns tempos, atrás em jeito de comentário à fatídica pergunta de filhos :DDD

    ResponderEliminar
  17. Ehehehehehe
    Durante uns tempo conseguiste enganá-lo.

    ResponderEliminar
  18. parecem o burro do shrek " tão enervante"

    ResponderEliminar
  19. Boa táctica essa ;P
    A minha mãe diz que eu quando era pequena era uma paz de alma, já o meu irmão um terrorista. Mas em viagens eu distraia o mano sempre com conversas e jogos. Acho que os meus pais nunca tiveram problemas connosco em viagens ;)

    ResponderEliminar