quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Ouvidinho de passagem

Numa sala de espera do Hospital da Estefania:
- Ah, esse coitadinho já faleceu...parece que foi com uma "ervadoce", ou lá como é que se diz!
Tradução-overdose

14 comentários:

  1. Se a erva era doce jà não foi muito mau!!:)))

    ResponderEliminar
  2. minha nossa, tenho de dizer à minha mãe que não coloque mais erva-doce nos bolinhos que faz.

    ResponderEliminar
  3. Duvido que tenha sido uma overdose de ervadoce, mas mesmo assim acaba por ser um bom trocadilho involuntário

    ResponderEliminar
  4. Ai, que eu ontem assei castanhas e pus-lhes erva-doce... 'pera aí que me dá a dar um "ABC"! (toma lá um cromo para a troca, ouvido no centro de saúde da minha terra!)

    ResponderEliminar
  5. Oh my God. Ervadoce com esse sentido nunca tinha ouvido!!!

    ResponderEliminar
  6. LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOl OH MY GOD... nesta época com umas castanhas cozidas uma overdose caía mesmo bem :) NOSSA!

    ResponderEliminar
  7. Ahahahahahah... Ervadoce... Ahahahah... Onde é que foste buscar a anedota? :P

    ResponderEliminar
  8. Hahahahaha, essa tá boa!
    :-))

    ResponderEliminar
  9. eheheheheheheh... se calhar tomou "pírulas" a mais :p

    ResponderEliminar
  10. Eu adoro erva doce !!! Queres lá ver que os vaipes que me dão também são ervadoces ???

    ResponderEliminar
  11. Ahahhahahahahhahahahahaha erva-doce ahahhahahahaahahah qualquer dia, os supermercados põem-se a traficar essas substâncias perigosas!

    ResponderEliminar