sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Expliquem-me lá como se eu tivesse 3 anos

que raio de mania é esta de me virem pedir "qualquer coisinha para o Natal", à porta de casa?
Chega esta altura e é todos os anos a mesma coisa; vem o guarda-nocturno (nunca o vejo o resto do ano), vem o bombeiro, vem o homem do lixo e outros tantos qu´agora não m´alembro!
PORQUÊ???!
Não está cada um deles a fazer o seu trabalho, como eu faço o meu?
Não ganha cada um deles um ordenado pelo seu trabalho, como eu ganho o meu?
Então, expliquem-me lá direitinho, e de forma muito simples, que raio de mania é esta?
Não me respondam com a crise porque isto é mania que se lhes agarrou há anos!

20 comentários:

  1. O português, por natureza, é um pedinte :)

    ResponderEliminar
  2. Mas costumas dar? É que se uma vez dás a mão, na outra seguinte querem logo o pé!

    ResponderEliminar
  3. ahahhahah...
    OH mulher....e ao menos eram giros????
    olha que a mim ninguem bate à porta....muito menos para pedir $$$....tenho mesmo cara de pedinte....loooooooooooooooooooolll

    ResponderEliminar
  4. Ahahahah, é verdade, tens toda a ra~zao!
    Acho um disparate, afinal nós também fazemos o nosso trabalho e chegadas ao natal não andamos aí a pedir uma coisinha, eles que vão masé trabalhar!
    :-))

    ResponderEliminar
  5. Realmente, que seca. Não dou nada precisamente pelo mesmo motivo que referiste, era o que faltava.

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. Há algum tempo que não vinha ao teu blog ... :)

    Mas concordo plenamente contigo, foi um hábito que as pessoas ganharam de à muitos anos atrás, e agora apoiam-se ainda mais com a desculpa da crise e pronto :X

    ResponderEliminar
  8. Tipicamente português.Apelar ao coração na época natalícia.E, tens toda a razão, não se deve à crise. Não conheces o ditado "Quem não chora, não mama"

    ResponderEliminar
  9. Mas olha que não é só em Portugal. Nesta altura aparecem-me aqui pessoas de várias instituições a pedir uma contribuiçãozinha... até ao Natal é um corropio.

    ResponderEliminar
  10. Hoje na estação do comboio estava um romeno a emprestar folhetos (sim, depois tínhamos de devolver lol), a pedir dinheiro para uma criança que supostamente tem leucemia. Aldrabice!

    ResponderEliminar
  11. Nunca dei, não dou, nem darei...chamem-me "mão de vaca" se quiserem...acho um aproveitamento à descarada!
    Nunca percebi a ideia...é o bater à porta e as "caixinhas" por todo o lado.

    ResponderEliminar
  12. Para mim é um Pêra Manca, por caridade.

    ResponderEliminar
  13. dou 1 euro aos homens do lixo. ganham o ordenado deles é verdade. mas eu pessoalmente não gostava de fazer o trabalho deles e agradeço que haja alguém que o faça.

    ResponderEliminar
  14. Nem fales em pedir dinheiro, que cá para casa telefonam 15484874374 associações para a criança x, y, z, isto porque o meu pai contribuiu para uma ou duas e depois é isto! Devem passar o nr das pessoas de associação para associação só pode! Eu estou farta de as mandar passear, mas não serve de nada! Uma pessoa diz - Agora não posso, estou desempregada/o - mas não serve de porra nenhuma! :|

    ResponderEliminar
  15. Mas não seria bom se todos oferecessemos prendas uns aos outros, nesta época, aos homens do lixo e eles a nós, às pessoas das lojas onde costumamos ir, aos condutores dos autocarro, etc. etc.?

    ResponderEliminar
  16. Eu sou uma maria lamechas e raramente consigo dizer que não,mas sei que tens razão,tu e o homem cà de casa que me dà na cabeça a toda a hora!Mas sou mesmo coração mole pah,uma burra!Mas por exemplo, aos bombeiros voluntàrios não me importo de dar porque merecem..

    ResponderEliminar