sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Tormento...

Por mais anos que viva e vezes que tenha de o fazer, dá-me ideia de que nunca deixará de ser assim...
A ansiedade toma conta de mim e eu procrastino até mais não poder ser...depois há um dia em que tem mesmo de ser; hoje foi o dia!
O aperto mitral começa na véspera e mal me deixa dormir; o peito apertado (e não é do soutien) dificulta-me a respiração; na minha cabeça, o guarda-roupa para tão extraordinário evento compõe-se e descompõe-se à velocidade da luz.
Nem de mais, nem de menos, terá de ser na justa medida; não quero parecer nem tiazoca, nem pelintra; procura-se o meio termo; saltos altos nem pensar, dá um ar demasiado elegante e composto, a mala não pode ter marca e nem o modelo a pode denúnciar; vestido ou calças? As calças são mais práticas e se me der o fanico e desmaiar, sempre fico mais compostinha.
Casacos; blazer, jaqueta, trench, gabardina ou casaco comprido? Está frio, é melhor o casaco comprido; não, já sei que me vão dar os calores...melhor uma coisa mais leve...este não, e aquele também não que a marca vê-se no forro...blusão, melhor levar o blusão!
Camisa branca por debaixo e está a coisa feita.
Cabelo; raios! É nestas alturas que queria ter um cabelo de rato! Não tendo, o melhor é apanhá-lo e esconder os jeitos "de cabeleireiro". Num coque fica demasiado elegante, rabo-de-cavalo pareço uma teenager inconsciente...trança (será que se lhe passar um pouco de óleo Jonhson fica com um bocadinho de menos bom aspecto? e lhe passar talco para ficar com menos brilho?).
Caga nisso, está a trança feita, já disfarça.
Respiro fundo, tem de ser...
E lá vou eu a caminho das finanças...

12 comentários:

  1. Eh, Eh,Eh!!!
    Estava a ver onde ias...
    Gostei.

    ResponderEliminar
  2. Glup. Boa sorte Sexinho!

    dreamerthing.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Para as finanças temos que ir com um aspecto labrego... para nem lhes passar pela cabeça nos tirar mais do que já tiram :)

    ResponderEliminar
  4. Ahahahahah! Eu estava a pensar "onde raio vai esta mulher, catano?". Afinal era para as finaças... humm. :D

    ResponderEliminar
  5. Genial:) a Escrita...a ida às Finanças dispensa-se!
    Quanto a como ir...olha um dia destes dá-me a louca e vou nua!

    Jinho

    ResponderEliminar
  6. Muito a sério :)
    Ficavas tão bem a escrever um livro de vários contos, animados e divertidos, que só ficaria-mos satisfeitos quando chegasse-mos ao fim :)

    Vai as finanças, mas cuidado não digas qual é o teu blog ;)
    Se eles sabem convidam-te para directora criativa lol lol
    És demais :)
    Beijinhos, eu vou ficar aqui a rir-me sozinha hihihi

    Bjos no <3

    ResponderEliminar
  7. ahahahah...eu a pensar que já ias passar o ano :)

    ResponderEliminar
  8. Afinal não era em evento, era um invento... :):):):)

    ResponderEliminar
  9. Para uma ida às finanças acho que nem muito bem, nem muito mal.

    ResponderEliminar