terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

E eu também falo dos Óscares!

Este não foi definitivamente, para mim um ano de muito cinema e ainda que fosse, gosto pouco de vaticinar vencedores porque, já se sabe, a Academia tem agenda própria.
Os vestidos e a passadeira vermelha é tudo muito lindo, mas eu gosto mesmo é de dormir e posso muito bem esperar pelo dia seguinte e ver os melhores momentos já todos compiladinhos e prontinhos a consumir.
Curiosamente, dos filmes nomeados, o único que vi foi mesmo "Guia para um final feliz" e posso dizer-vos que adorei!
Se a miúda faz um papelaço? Faz! Se o papel é digno de um Óscar? Não faço a mais pequena ideia!
Agora, que é linda de morrer, é, que o Dior era bonito, era (talvez ali com um bocado de tecido a mais, mas que ficou lindo na subida ao palco, mesmo na queda), mas o que eu gostei mais, mais, mais, foi da simplicidade, da elegância natural (até quando cai), da espontaneidade que só os 22 anos lhe dão. Esperemos que não os perca.
Porque já toda a gente viu o vestido e o tralho, deixo aqui o momento em que, durante uma entrevista é felicitada pelo Jack Nicholson; "Oh my God! Is he still here?!"  
P.S.- Graças à Inês conseguimos um novo link; já podem ver o Jack! Obrigada Inês!

16 comentários:

  1. nota-se uma espontaneidade pura! acho-lhe piada por isso!

    ResponderEliminar
  2. É mesmo a característica mais notória dela: os 22 anos! é espontânea, quase "selvagem"...

    ResponderEliminar
  3. Sabes que já eu acho-a teatral... parece-me uma simplicidade inventada. É talentosa e linda sem duvida! Mas quanto à sua postura e à maneira de estar... não me convence.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo e subscrevo menos na parte do talentosa, porque isso não acho mesmo nada. É meh, quando muito. Há por aí actrizes que se safam bem melhor em termos de actuações, da mesma idade e mais novas até, mas prontes, isso são gostos e opiniões. E o vestido... ai que não consegui mesmo gostar daquilo. Aliás, este Oscar dela só me fez lembrar o Oscar da Gwyneth Paltrow no Shakespeare In Love. Custava muito ter dado a treta do Oscar á Cate Blanchett nesse ano, tinha de ir para uma americana. Adoro a Gwyneth - tipo acho linda e teve papeis onde as interpretações que fez eram geniais - mas nesse filme, por favor!!! Oscar? Só se for do filme mais idiota do ano e do papel mais fácil do ano... tal como a JLaw.
      http://fashionfauxpas-mintjulep.blogspot.com

      Eliminar
  4. Eu adorei a elegãncia do tralho. Nunca vi nenhum trabalho dela nem entrevistas, mas que teve pose a cair..lá isso teve :).

    ResponderEliminar
  5. Eu gosto mesmo da simplicidade dela, é simpática e natural.

    ResponderEliminar
  6. Então agora que eu ia ver isto com som, já não há vídeo?! Humpf...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois...a Disney bloqueou-o...deve de ser porque ele lhe canta mesmo a cançaõ do bandido. "Você é parecida com uma antiga namorada minha", "Estarei à sua espera lá fora".
      Isto não deve ter parecido muito bem...
      :DDD

      Eliminar
  7. Não sei se era merecido,mas que a miúda é excelente actriz,é! Já a vi noutros papeis e é muito boa! E gira que se farta...estúpida!

    ResponderEliminar
  8. Estava curiosa em ver o video mas não consigo, foi removido :/

    ResponderEliminar
  9. Eu parti-me a rir com a lata do Jack Nicholson (gosto dele) e com a espontaneidade dele.
    Quanto ao video, encontrei este que tem legendadas as melhores frases!!
    http://www.youtube.com/watch?v=JOkoh9bd4t8
    Parti-me a rir com o "pareces uma ex namorada minha."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Inês, já substitui o link!
      :DD

      Eliminar
    2. Dela!! Espontaneidade dela.
      Este encontro "improvável" está muito bom, era impossível não deixar aqui o link.

      Eliminar
  10. Mais do que uma belíssima actriz, demonstra ter muita personalidade :) Gosto dela.

    ResponderEliminar
  11. Por acaso, agora que falas nisso tenho de me lembrar de ver o tralho, porque ainda não o fiz.

    ResponderEliminar