terça-feira, 27 de agosto de 2013

Post mal cheiroso!


E à terça-feira é dia de bate, escova, aspira!
E agora perguntam vocês todos em co(i)ro "Porque é que é dia de bate, escova, aspira Sexinho?"
Ora é dia de bate, escova, aspira porque é o dia em que aqui pela Yolanda vêm recolher o lixo!
Para o reciclável, existem umas ilhas com uns caixotes (não muitos nesta zona) onde o podemos depositar em querendo, também para o papelão a recolha é feita uma vez por semana (aqui à segunda-feira) mas com esse posso eu bem, agora o orgânico, senhores!
Ao contrário de aí que existe recolha de lixo diária, aqui o lixo só é recolhido uma vez por semana e como as casas aqui não são muito grandes, tenho ouvido histórias do demónio!
Gente que convive com o caixote do lixo 24h/24, sete dias por semana, 365 dias ao ano; lixo decompondo-se na cozinha de uma pessoa, empestando a casa de uma pessoa!
O cheiro! Pffff! BLHECA!

Quem tem varanda opta por colocar um caixotão lá fora e pelo menos não tem cheiros dentro de casa; mas tem moscas, tem pássaros, passarinhos, passarões e gaivotas! 
Gaivotas gigantes (espertas como o raio) tentando abrir o caixote (ou sacos, há quem ponha em sacos)e espalhando tudo!
Graças aos céus e ao bom senso do Mais Que Tudo que, tipo previsto como tudo, a nossa casa dispõe de uma arrecadação no piso térreo e como tal não temos que aqui ficar a criar intimidades com o nosso próprio lixo, mas ainda assim sei que ele ali está e isso, complica-me com o sistema nervoso; de modo que à terça-feira de manhã (sim, a recolha é feita de manhã), quando vejo o lixo sair porta do prédio afora, respiro mais aliviada e atiro-me à casa como se não houvesse amanhã!

P.S. - Com o sistema português dos caixotes à porta e recolhas diárias, nunca antes me tinha apercebido da quantidade de lixo que produzimos; caixas e caixinhas, embalagens tetra pak, garrafas pet, embalagens de detergentes e shampoo, sacos de plástico, papéis e papelinhos, maços de tabaco, cascas de batata, de fruta, de ovos...é um nunca mais acabar!
Será mesmo preciso fazer tanto lixo?


15 comentários:

  1. :)
    (obrigada pela partilha, não tanto do lixo :b, mas de Haia, que me ficou no coração)

    beijos

    ResponderEliminar
  2. É um bocado chato. Quando estive a viver em Colónia também era assim e em Orléans também faziam o mesmo. Um dia para a recolha do lixo orgânico e um dia para a recolha dos recicláveis. mas existiam arrecadações nas respectivas caves, junto às garagens, onde podíamos colocar o lixo em contentores e assim não o tínhamos em casa. mas o cheiro quando se passava para a garagem ...ai sexinho: O CHEIRO!!!

    ResponderEliminar
  3. Realmente, vistas as coisas dessa forma, não voltarei a queixar-me do barulho que os camiões da recolha do lixo fazem diariamente, quando quero adormecer...

    ResponderEliminar
  4. É verdade! Fazemos mesmo imenso lixo...
    Digo isto pois sempre vivi na cidade e estava habituada à recolha diária. Mas agora, depois de casar, há 10 meses, vim morar numa freguesia pequena, no campo, em que a recolha é feita duas vezes por semana, à segunda e quinta...
    No início já andava a bater mal... A reciclagem, ando um quilómetro, mais ao menos, e levo os sacos aos contentores uma ou duas vezes por semana; como o povo aqui não é muito dado à reciclagem, os contentores nunca estão cheios. Agora o restante lixo... É uma festa do lixo, principalmente ao fim-de-semana...
    Agora nem quero imaginar aí com uma recolha semanal... :)

    ResponderEliminar
  5. Mas olha que aqui a recolha já não é feita todos os dias, o que tenho me apercebido é que aos poucos cada prédio começa a ter um caixote para o lixo orgânico, outro amarelo e outro azul. A recolha está definida por dias para cada um tipos... existem alturas que é um tormento sair porta fora.

    ResponderEliminar
  6. Pois aqui por Sydney os senhores recolhem o lixo todos os dias pelas 6 da manha fazendo uma barulheira desgraçada. As vezes chegam a vir de manha e a noite...

    ResponderEliminar
  7. Raios, tambem é um dos meus problemas diários! O que fez com que as 3.as feiras fossem o meu dia favorito da semana - o dia em que me livro do saco mal cheiroso! Que por sinal é hoje.

    Só para teres uma ideia ... :)
    http://espressoandstroopwafel.wordpress.com/2013/05/21/pesadelo-hitchcockiano-passaros-contra-sacos-do-lixo/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que alguém me compreende!
      Obrigada pela visita espressoandstroopwafel!
      Bem vinda ao Sexo e a Idade!
      :D

      Eliminar
  8. É um sistema semelhante ao que existe na Alemanha. Acabamos por nos habituar! Mas uma coisa é certa, apercebemo-nos melhor da enorme quantidade de lixo que produzimos. Provavelmente o maior volume é o dos plásticos que é (na minha opinião) também o mais difícil de diminuir.

    ResponderEliminar
  9. E que tal um destes: www.insinkerator.com ?

    ResponderEliminar
  10. Estava a tentar comentar, mas acho que não consegui (se ficou repetido, mil perdões). Que tal um destes?

    http://www.insinkerator.com/en-us/Pages/default.aspx

    Para as más línguas, conforme vi num forum cheio de sentido de humor (ainda que bem negro), até tritura ossos e tudo. Ou seja... é anti-sogras!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Genial!
      Já fui cuscar!
      Obrigada :)

      Eliminar
    2. O pai da minha criança tem um da marca FRANKE. Eu não tenho. Acho que são caros (pelo menos no meu conceito). Tive um na minha antiga casa, e a verdade é que reduz o lixo orgânico praticamente a zero. São barulhentos. Mas perdoa-se o barulho que fazer, pelas vantagens que trazem...

      Eliminar