segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Se puderem acreditar também...

Antes de mais, quero pedir-vos desculpa por vos arrastar para aqui; é tempo de alegria e se calhar não devia falar destas coisas, mas não consigo evitar...
Amanhã será dia de estarmos com a familia, a que herdámos e a que fizemos, a de sangue, a que escolhemos para nós e os amigos que já são familia e, infelizmente, em algumas (quase todas) faltará gente... gente que está longe, em trabalho ou em missão, gente que partiu mas que estando viva dentro do nosso coração se sentará à mesa connosco.
Muitas vezes ao longo da Noite e do Dia os nossos pensamentos irão estar com eles e isso é natural, e bom que assim seja.
Quero muito pedir-vos que a estes vossos pensamentos (que são também uma forma de oração), juntem um outro pelas familias das crianças (para nós são sempre crianças) que morreram no mar do Meco.
Só porque acredito que a compaixão tem asas e o nosso Amor pode chegar aos seus corações. 
Se puderem acreditar também...

9 comentários:

  1. Mais que nunca, nesta época lembro os que já não estão, os meus e os dos outros, porque nos nossos pensamentos e preces há sempre espaço para todos!

    ResponderEliminar
  2. Sem dúvida......porque há quem sofra demais nesta época
    Beijinhos Sexinho e
    feliz Natal para vocês

    ResponderEliminar
  3. Se soubesses quantas vezes já pensei na dor daqueles pais...meu DEus...porquê?!?!
    De cada vez que chega mais uma notícia...cá em casa ficamos os 4 a olhar uns para os outros...tão tristes...Na noite de Natal...o meu coração é gigante...e os meus pensamentos e orações gigantes também.

    Que Deus abençoe o teu Natal minha Princesa das Arábias junto de todos os que amas. jinhooooossssss

    ResponderEliminar
  4. A vida é bem dura... e às vezes bem trágica e injusta...

    ResponderEliminar
  5. Como não pensar nessas crianças,nos pais dessas crianças,faltam-me palavras Sexinho,que dor,beijinhos.

    ResponderEliminar
  6. Como a vida pode ser madrasta algumas vezes. Mais que pensar naquelas crianças, o meu pensamento estará com os pais, que devem ter uma dor sem fim!

    ResponderEliminar
  7. Não custa nada tirar um momento para reflectir....

    ResponderEliminar
  8. Nem quero imaginar como se sentirão aqueles pais.....

    ResponderEliminar