terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Vê lá se te cai um dentinho com a piadola!

Com esta mania que tenho dos dichotes e de armar em engraçadinha, passo a vida a ouvir "Vê lá se te cai um dentinho com a piadola"; hoje foi o dia!
Agarrada a uma sandes de presunto (5 bolotas que não se faz por menos) disse uma piadola, enquanto a  trincava energicamente (à sandes, não à piadola); Mais Que Tudo começou por repetir a lenga-lenga "Vê lá se te cai…" mas calou-se quando me viu empalidecer.
Levei a mão à cara e disse-lhe devagarinho:
- Parti um dente...

10 comentários:

  1. opah desculpa mas tenho que me rir!! deve ter sido cena digna de comédia...mas espero que não tenhas dor e que tenha sido uma fractura pequena!

    ResponderEliminar
  2. Já descobri que o problema é entre o meu PC e o teu blog. É que só aparece no teu blog. e no meu PC. No do meu marido, fiz a experiência, não.

    ResponderEliminar
  3. terá havido energia kármica a rondar a sandes? terá esse presunto, origem nalgum suíno com a vida mal resolvida, de modo a provocar danos colaterais a quem trincasse um derivado seu?

    ResponderEliminar
  4. Só não me rio porque parti um dente a comer uma baguete, Uma baguete, imagine-se! Custou-me uma coroa, muitos éros e várias idas ao dentista...
    Já vi que "em matéria de dentes" ultimamente também não tens tido uma vida aborrecida...

    ResponderEliminar
  5. O meu pai adora pão crocante e bem cozido. Há uns anos foi à padaria e pediu o mais cozido, segundo as palavras dele um mesmo «de partir o dente». E partiu-o mesmo à primeira dentada...

    ResponderEliminar
  6. Eu é que já metia o dente numa sandes de presunto

    ResponderEliminar
  7. As bolotas erã rijãs, piquena ! Melhôrâs do dentinhu!

    ResponderEliminar
  8. Já parti um a comer castanhas cozidas e bem moles... Os meus pêsames pelo pobre do dentinho. E as melhoras...

    ResponderEliminar