domingo, 24 de fevereiro de 2013

Não resisti!

Lancei o pânico entre o mulherio numa das casas de banho do Vasco da Gama!
Quando já me preparava para sair vi uma barata (coitada, tão pequenina que talvez nem se lhe pudesse chamar barata) na parede dos privados.
Não resisti e gritei:
Eu, coisa ruim: Está uma barata na parede!
Depois, saí perdida de riso ouvindo os gritos e as portas a abrirem-se de par em par!
Eu sei, eu sei...assim não vou para o Céu...

18 comentários:

  1. Oh pá!!!!!!!!! Que máximo LOL

    ResponderEliminar
  2. Ahahhahahahahahahhahahahahahah coitada da baratinha... ainda deve estar a recuperar do susto! :DDDD

    ResponderEliminar
  3. É um animal muito adaptado aos nossos tempos de crise. ;)

    ResponderEliminar
  4. hahahahhaha que riso :D Pobre da barata que deve de ter ficado com mais medo que as mulheres :P
    Gostava de ter lá estado para ver!

    ResponderEliminar
  5. Ainda bem que não estava lá, saía de calças na mão.

    ResponderEliminar
  6. É tão cliché o mulherio ter pavor de baratas. Pessoalmente também não sou fã, mas não é preciso ter medo de um bichinho cujo principal objectivo de vida é não ser pisado. :-P

    ResponderEliminar
  7. ahahahahhahaha... lindo..
    eu fazia igual... mas ENOJADA MESMO!!!
    beijinhus

    ResponderEliminar
  8. Ahahahaha, se eu estivesse lá saía a correr!!

    ResponderEliminar
  9. das duas uma: ou juntava-me a ti a rir que nem uma perdida, ou saia com o papel higienico na mao!

    ResponderEliminar
  10. Pois essa deve ser uma prima afastada da que eu vi passaer num McDonald´s na passada sexta...
    A mulherada merece...assusta-se por tudo e por nada:)

    jinho

    ResponderEliminar
  11. Ahahah :) Coitada da barata, tanta gritaria à volta dela xD

    ResponderEliminar
  12. Chorei a rir.. É de gente assim que precisamos, bem dispostas!

    ResponderEliminar
  13. Tu és terrível! aahaha... que riso! Ahahaha..... o que já me ri! Graças a ti as minhas colegas devem achar que sou tantan...estou a rir-me sozinha a olhar para o pc!

    ResponderEliminar